Avançar para o conteúdo principal

O novo DR

Depois de passar anos a reclamar por não ter acesso gratuito e em condições úteis (pesquisa, cópia e impressão) ao Diário da República, e depois das promessas do Simplex é altura de elogiar/festejar!
A 1 de Julho de 2006 (desculpem mas a semana passada estive em formação por isso isto é novidade actual para mim e não podia deixar de a destacar!) o "acesso universal e gratuito à edição electrónica do Diário da República é um serviço público, com possibilidade de impressão, arquivo e pesquisa dos actos publicados, sem restrições para o cidadão. "
Vejam como é bom poder fazer esta simples citação, sabendo que o link vai parar a um documento legal, que até se pode imprimir ou seleccionar o texto e copiar para outro documento:

O Decreto-Lei n.º 116-C/2006, de 16 de Junho, estabelece que o Diário da República passa a ser editado por via electrónica e disponibilizado como serviço público de acesso universal e gratuito.

Com a entrada do Simplex, o Diário da República foi reformulado, tendo sido reorganizada a I e II Séries e extinta a III Série. A I Série é reorganizada com fusão das partes A e B, e a II Série é dividida em dez partes, de acordo com as entidades emitentes, como resulta do Despacho Normativo n.º 38/2006, de 30 de Junho.
A Imprensa Nacional – Casa da Moeda, S. A., assegura, de forma permanente, o arquivo e a preservação electrónicas do Diário da República editado na Internet.
O formato papel não desaparece pois é, e muito bem, garantido o "depósito na Biblioteca Nacional e na Torre do Tombo de três exemplares de uma versão impressa devidamente autenticada das duas séries do Diário da República, preparadas para efeitos de arquivo público, bem como o depósito de um exemplar junto da Presidência da República, da Assembleia de República, da Presidência do Conselho de Ministros, dos Supremos Tribunais, do Tribunal Constitucional e Procuradoria-Geral da República".
Também fica a certeza de ter ganho mais uma prateleira na biblioteca (os livros encadernados dos DR mais antigos já estavam noutra sala... num espaço mais "barato").
Agora é só conseguir reverter a verba das assinaturas e das encadernações em verba para aquisições da biblioteca. Do mesmo modo dará para fazer novas encadernações de algumas obras importantes e que já estavam fora do circuito normal pelo estado de conservação, o que será um serviço mais rápido agora que a empresa de encadernações ficou com mais tempo livre!
Nota: ainda para rever está o serviço de informação por email... deviam colocar o link para o decreto tal como já existe na página web... é so enviarem o email em formato html!

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Tabela CDU disponível online

A tabela CDU está disponível online e em português.
Corresponde à versão "Sumário" com 2000 entradas (das 68000 da tabela completa)

A Biblioteca Nacional de Portugal está de parabéns pelo trabalho realizado e disponível pela licença Creative Comons. Aqui ficam os créditos do trabalho:



Na entrada do site temos um painel do lado esquerdo com as classes e tabelas auxiliares:

Ao carregar numa dessas tabelas surgem as suas notações principais. Se clicarmos numa notação surge do lado direito a explicitação dessa notação e notações relacionadas, sendo possível de navegar entre as relacionadas.


Ainda existem funcionalidades por implementar, não existe pesquisa (e nem parece que vá existir), o número de notações é pequeno em relação ao publicado em livro mas a navegação é fácil e agradável.
Ainda não estão traduzidas as explicações e exemplos... mas quem quiser pode colaborar!.
Claro que quem já trabalhou com a tabela inglesa, em que as notações se podiam pesquisar por palavra ou me…

Dia internacional da oferta de livros

O dia 14 de Fevereiro é o Dia Internacional da Oferta de Livros #bookgivingday . É o dia de fazer alguém feliz com um livro, especialmente crianças.


Criado no Reino Unido tem hoje uma presença internacional. Sem uma organização formal de eventos baseia-se na ação individual de apaixonados pela leitura que procuram dar um livro a quem o não tem.
Ofereça, deixe esquecido, doe! Coloque livros novos ou usados nas mãos de tantas crianças quanto possível!

O poster de 2108 é uma criação de Elys Dolan, criado a partir das ilustrações do livro "Knighthood for Beginners".


No sítio do evento encontra os materiais de promoção para descarregar ou partilha.

Plágios e fraudes: sites e software

Na sequência do artigo anterior sobre o problema do Plágio ficam aqui links para documentos web e software anti-plágio, sendo certo que alguém terá dito que "Roubar ideias de uma pessoa é plágio. Roubar de várias, é pesquisa (ou Tese!)".


Leitura de Referência:
Plagiarism - Wikipedia, the free encyclopedia - http://en.wikipedia.org/wiki/Plagiarism
também inclui uma parte sobre "Self-plagiarism" que alguns autores de literatura adoram realizar!Plagiarism detection - http://en.wikipedia.org/wiki/Plagiarism_detection Plagiarism Stoppers : A Teachers Guide - http://www.ncusd203.org/central/html/where/plagiarism_stoppers.htmlEthics 101: Cheating, Plagiarism, Site Evaluation, Copyright and Your Students - http://www.kalama.com/~zimba/plag&cheat.htmPlagiarism .org : Learning Center : - http://www.plagiarism.org/ Plagiarism is almost always a symptom of other educational problems.Lista de links: http://www.123helpme.com/plagiarism.jsp
Para reflexão e curiosidades:A má rep…