Os Direitos do Bloguista


Esta listagem de direitos do bloguista pode ser de 2005 mas tenho o direito de a citar quando bem me apetecer... e vocês o direito de os não lerem ou de lerem com terminologia adaptada (1)! Mas a tirinha justificava a entrada (e existem mais do género no Unshelved)

1. O direito de não blogar.
2. O direito de só ler alguns posts e o direito de não respeitar a lógica cronológica dos posts.
3. O direito de fechar o blogue e recomeçar uns tempos depois ou de começar um novo blogue ou de calar-se para sempre.
4. O direito de reler posts antigos, os dos outros e os nossos, de gostar, de não-gostar, de falar acerca disso, de retocar posts, de apagar posts.
5. O direito de não linkar blogues que toda a blogosfera linka.
6. O direito ao bovarismo (2).
7. O direito a estar de férias e esquecer o blogue ou o contrário, o direito de escrever posts imaginários, o direito de escrever disparates e de escrever coisas sérias, o direito de escrever posts quilométricos, o direito de se contradizer.
8. O direito de gostar de blogues de qualquer espécie e das pessoas que estão metidas neles e o direito de não gostar de um blogue porque o template é horrível, o direito de nunca ler blogues de pessoas que nos provocam problemas de pele mesmo sendo de referência.
9. O direito de fazer hiperligações para blogues amigos quando nos apetece e também para os outros, sem quaisquer constrangimentos.
10. O direito de não desejar transformar o blogue em livro.

Um original de: Carla de Elsinore (19 Agosto de 2005)
Ao que seria necessário acrescentar o direito de rir de si próprio enquanto bloguista!
----------------
(1)
Bloguista e não blogger ou blogueiro porque tenho o direito de não fazer publicidade e de utilizar o português pois bloguista já vem no dicionário.
Pior estamos com os Posts (entrada ou tópicos melhor que Artigos ou Postagens. Os links é que vão dominando as hiperligações. Consensual já é a utilização de Blogue e não blog. Mais conversas terminológicas por aqui.

(2) Identificação com a personagem ou com a mensagem