Avançar para o conteúdo principal

Twitter: falar para ninguém?

Muito provavelmente já terá mandado um SMS para alguém no mesmo congresso... ou na mesma reunião. E como era uma mensagem importantíssima que nem podia aguardar pela pausa para café, deve ter pensado em mandar a mesma mensagem para mais que um dos membros dessa reunião? Então está a precisar de aderir ao Twitter: é como um SMS para um conjunto de seguidores.
Tecnicamente é uma ferramenta de blogue (publicação em formato micro) com mensagens limitadas a 140 caracteres (as contas pagas vão agora poder ir até aos 1000 caracteres).
O Twitter é uma moda da web social mas já faz agora 3 anos. Define-se como um serviço para amigos e colegas de trabalho mas vai muito além disso. Inicialmente popularizado entre a comunidade de jovens tecnológicos, está a alargar a sua área de actuação a empresas como meio de comunicação de novidades ou para políticos para manterem os informados os seus eleitores. (veja-se a lista dos membros do Congresso dos EUA que twitam ).

O certo é que em certa medida o «Twitter está a mudar a forma com que as pessoas se sociabilizam e se comunicam online» (ver entrevista de Biz Stone, co-fundador do Twitter)
Nos EUA o Twitter já passou barreiras de idade e uma das questões dos últimas semanas foi: é ou não adequado a um congressista mandar mensagens para o twitter enquanto o Presidente faz um discurso à nação no Congresso?
  • Sobre o mesmo assunto podem ler também aqui e aqui ou assistir à fabulosa reportagem do Daily Show que põe a nu a dependência destas novas tecnologias de comunicação
Tendo em conta o investimento do candidato Obama na campanha pelos media sociais, será este mais um caso de "fizeste a cama, agora deita-te nela"? Ou mais uma fuga às normas de etiqueta social?

Nos EUA muitas bibliotecas agarraram este modo de comunicação e não deixam que o seu leitor esteja sem informação. Afinal se, como Eric Schimdt CEO do Google diz o Twitter é 'e-mail de pobre' porque não utilizar recursos adequados ao tempo de crise?
Ou seja já não serve apenas para responder à questão: o que é que estás a fazer?

Curioso: Comecemos pelo principio com uma explicação para o Twitter:





Agora já se pode registar, enviar mensagens pelo telemóvel ou pela web, e acompanhar pessoas ou empresas para se manter em contacto com a sua vida ou ideias
Mas nunca se esqueça desta máxima, válida igualmente para outros serviços da web social: os amigos do Twitter não são exactamente seus amigos! Afinal Twit (a origem de twitter) significa, em "inglês de rua", uma pessoa insignificante, palerma ou chata!




Já agora... não sou um utilizador inveterado do Twitter mas sempre pode ficar informado sobre artigos que publico ou coisas do género: basta seguir o pizidoro
E para quem não twita que isso não seja razão para não se registar nos seguidores do blogue, mais um recurso do Google para leitores de blogues e que encontra na coluna do meio deste blogue!

E com o uso do Twitter surgem mais umas pseudo palavras tecnológicas: twita, twitar, twit... de quem usa o Twitter!

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Tabela CDU disponível online

A tabela CDU está disponível online e em português.
Corresponde à versão "Sumário" com 2000 entradas (das 68000 da tabela completa)

A Biblioteca Nacional de Portugal está de parabéns pelo trabalho realizado e disponível pela licença Creative Comons. Aqui ficam os créditos do trabalho:



Na entrada do site temos um painel do lado esquerdo com as classes e tabelas auxiliares:

Ao carregar numa dessas tabelas surgem as suas notações principais. Se clicarmos numa notação surge do lado direito a explicitação dessa notação e notações relacionadas, sendo possível de navegar entre as relacionadas.


Ainda existem funcionalidades por implementar, não existe pesquisa (e nem parece que vá existir), o número de notações é pequeno em relação ao publicado em livro mas a navegação é fácil e agradável.
Ainda não estão traduzidas as explicações e exemplos... mas quem quiser pode colaborar!.
Claro que quem já trabalhou com a tabela inglesa, em que as notações se podiam pesquisar por palavra ou me…

Elsa Conde e Teresa Calçada no PNL2017

A implementação e monitorização do Plano Nacional de Leitura até 2027 ficará sob responsabilidade de uma comissão que inclui os Ministérios da Educação, Cultura e Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.
A comissão interministerial a ser presidida por Teresa Calçada e Elsa Maria Conde estará dependente do Ministério da Educação, em articulação com as tutelas da Cultura e da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.

Objetivo: "Fazer uma aposta abrangente na leitura, seja a literária, científica, em papel ou noutros suportes" (Teresa Calçada).

O PNL quer agora “levar a leitura a outras esferas da sociedade”, mostrando que esta “não é apenas património de alguns” e promovendo hábitos de leitura ao longo da vida: junto de famílias, crianças, jovens e adultos. E, sem descurar o papel das bibliotecas escolares, pretende-se criar condições para a promover nas instituições de ensino superior e da rede de centros de Ciência Viva.

“Em todos os locais onde seja possível dizer 'ler é bom…

Se conduzir... não leia!

Se conduzir não leia... mesmo que seja James Patterson!

O condutor de 53 anos dá uma desculpa, de arrepiar, sobre a sua condução errática: estava a ler o último thriller de James Patterson.
Foi multado por não conduzir com o devido cuidado (EUA, Minnesota).

Se conduzir não leia!


YouTube - https://youtu.be/THSDhl07Vt0

Saiba mais sobre James Patterson.

Original em TODAY.com (22/01/2016) - Distracted driver's excuse to cop: I was reading James Patterson