Forum RBE: 13 anos, um momento no tempo

O Fórum RBE realizou-se no dia 26 de Junho e constituiu um momento alto na história da RBE. Na FIL em Lisboa estiveram presentes mais de 1300 coordenadores de bibliotecas, docentes e bibliotecários,
Mais que um encontro constituiu um momento de reflexão dos 13 anos da RBE e do trabalho realizado nas bibliotecas na criação de leitores.
Um momento no tempo, em que passam 13 anos do início do projecto da Rede de Bibliotecas Escolares, em que todas as escolas EB2,3 e Secundárias estão já integradas nessa Rede de processos e práticas, quando se atingem os 40 % nas escolas do 1º ciclo (basicamente as escolas com mais alunos), um momento no tempo em que se prepara um novo ciclo de 4 anos de trabalho docente, um momento no tempo em que se irá generalizar o sistema de auto avaliação de bibliotecas escolares e acima de tudo um momento marcado pela definição das funções de professor-bibliotecário nos próximos 4 anos. Um momento que merecia ser marcado e celebrado. 
Assim nasceu este fórum RBE, um encontro em que estiveram presentes diversas entidades ligadas à educação e à promoção da leitura, foram apresentadas comunicações sobre a escrita e leitura em nativos digitais, uma mesa redonda sobre bibliotecas escolares e uma apresentação do Plano Tecnológico ao nível dos conteúdos. Contou ainda com vários testemunhos em vídeo por individualidades da sociedade portuguesa.
Uma organização exemplar do Gabinete da Rede de Bibliotecas Escolares, com intervenções de qualidade, muito bem recebido pelos participantes e que permitiu igualmente o reforçar de laços que durante o ano se vão estabelecendo à distância através dos contactos electrónicos pela Lista de distribuição da RBE.

Com a assinatura da Portaria que institui a função do professor bibliotecário é agora necessário garantir o papel das bibliotecas "no novo modelo organizacional das escolas, como estrutura  inovadora, funcionando  dentro e para fora da escola, capaz de acompanhar e impulsionar as mudanças nas práticas educativas, necessárias para proporcionar o acesso à informação e ao conhecimento e o seu uso, exigidos pelas sociedades actuais" (texto da Portaria do ME)
Foi assim um "adeus" aos coordenadores de bibliotecas, um olá aos professores-bibliotecários: sempre em rede sempre em trabalho pelos leitores.
Acima de tudo constituiu um momento para  reflexão sobre os desafios futuros na criação de leitores capazes de produzir conhecimento.

Mais detalhes:
Fotos do evento:
Artigos: