Avançar para o conteúdo principal

Google Wave: comunicação total

Pois é... lá comecei a utilizar o que promete ser o Tsunami das comunicações web: o Google Wave. A aplicação é da responsabilidade dos mesmo autores do Google Maps
Está em fase "Preview" só para convidados mas já é das aplicações mais badaladas. Calma que já mandei os meus 20 convites, não vale a pena pedir. E quem não recebeu... não é porque não esteja na minha "short list" de amigos, é apenas porque os convites não são logo enviados, ficam em lista de espera, são apenas uma proposta ao Google Wave! Afinal a aplicação vai ser lançada lá para maio de 2010!

O que é o Google Wave? É uma aplicação web, uma plataforma de comunicação e colaboração, um chat evoluído que mistura vídeo, conversa directa e em grupo, arquivo de mensagens, documentos, email, multi sistema operativo, etc, etc. As funcionalidades são impressionantes mas mais de metade delas ainda só aparecem em vídeo.
Vai ser um sucesso?
Talvez não venha a ser uma aplicação famosa entre os mais novos (mais interessados em ter seguidores e comentadores), mas para empresas e projectos que assente em trabalho à distância deve vir a ser uma ferramenta usual.
As empresas que tenham servidores próprios podem utilizar a aplicação a nível local em intranet e internet e provavelmente será uma ferramenta de utilização preferencial para comunicações.
Vai ser mais fácil de gerir informações?
Talvez não, é uma aplicação simples mas certamente não vai ser fácil de utilizar por todos pois é muita coisa ao mesmo tempo para quem não seja hábil com tecnologias e navegação web. Esse é o ponto que deixa apreensivos os seus criadores.
A Google investiu muito nesta aplicação e vai dar tempo ao tempo para que todos se habituem e afinem o seu funcionamento.
No fundo revela uma tendência de várias aplicações web recentes: são criadas para adultos que trabalham e que precisam de as integrar na sua prática de modo a serem mais produtivos (ou "web eficientes"). A eficiência real e aumento de produtividade no escritório essa ainda está para ser comprovada.

Coisas que acho desde já interessantes: silenciar uma Wave e fazer um playback de uma wave. Quanto à partilha de ficheiros e wikis ficam para futuras analises.
  • Aqui fica um guia para iniciar a sua actividade no Wave
  • E um vídeo com algumas das funcionalidades básicas só para quem ainda não tem uma conta Wave


Se tiver 1h20 minutos para ver o futuro (a primeira parte é a mais interessante para o público em geral) ... aqui fica o famoso vídeo de apresentação do Google Google Wave Developer Preview at Google I/O 2009

O certo é que nos arriscamos a ter novas palavras de informatiquês: "Weiva isso" (iniciar uma Wave)! Blipa-me! (mandar um Blip ou mensagem instantânea). Aliás vou já registar os termos!

Comentários

Poderia me mandar um convite ! Grato !
laura wilson disse…
I usually work with web-based applications like http://www.showdocument.com
I use it for sharing my designs and documents with partners and clients,
but i guess it can used for other purposes too. If you're looking for a free solution you should check it out.
- Laura W.
Diego Artur disse…
eu consegui um convite do google wave, mas nao sei como cinvidar. jah pesquisei com palavras como invite new friends, e nao congigo achar a opcao d add novos contatos. como eu faco?

o meu account eh dego-test@wavesandbox.com

Mensagens populares deste blogue

Tabela CDU disponível online

A tabela CDU está disponível online e em português.
Corresponde à versão "Sumário" com 2000 entradas (das 68000 da tabela completa)

A Biblioteca Nacional de Portugal está de parabéns pelo trabalho realizado e disponível pela licença Creative Comons. Aqui ficam os créditos do trabalho:



Na entrada do site temos um painel do lado esquerdo com as classes e tabelas auxiliares:

Ao carregar numa dessas tabelas surgem as suas notações principais. Se clicarmos numa notação surge do lado direito a explicitação dessa notação e notações relacionadas, sendo possível de navegar entre as relacionadas.


Ainda existem funcionalidades por implementar, não existe pesquisa (e nem parece que vá existir), o número de notações é pequeno em relação ao publicado em livro mas a navegação é fácil e agradável.
Ainda não estão traduzidas as explicações e exemplos... mas quem quiser pode colaborar!.
Claro que quem já trabalhou com a tabela inglesa, em que as notações se podiam pesquisar por palavra ou me…

Dia internacional da oferta de livros

O dia 14 de Fevereiro é o Dia Internacional da Oferta de Livros #bookgivingday . É o dia de fazer alguém feliz com um livro, especialmente crianças.


Criado no Reino Unido tem hoje uma presença internacional. Sem uma organização formal de eventos baseia-se na ação individual de apaixonados pela leitura que procuram dar um livro a quem o não tem.
Ofereça, deixe esquecido, doe! Coloque livros novos ou usados nas mãos de tantas crianças quanto possível!

O poster de 2108 é uma criação de Elys Dolan, criado a partir das ilustrações do livro "Knighthood for Beginners".


No sítio do evento encontra os materiais de promoção para descarregar ou partilha.

Plágios e fraudes: sites e software

Na sequência do artigo anterior sobre o problema do Plágio ficam aqui links para documentos web e software anti-plágio, sendo certo que alguém terá dito que "Roubar ideias de uma pessoa é plágio. Roubar de várias, é pesquisa (ou Tese!)".


Leitura de Referência:
Plagiarism - Wikipedia, the free encyclopedia - http://en.wikipedia.org/wiki/Plagiarism
também inclui uma parte sobre "Self-plagiarism" que alguns autores de literatura adoram realizar!Plagiarism detection - http://en.wikipedia.org/wiki/Plagiarism_detection Plagiarism Stoppers : A Teachers Guide - http://www.ncusd203.org/central/html/where/plagiarism_stoppers.htmlEthics 101: Cheating, Plagiarism, Site Evaluation, Copyright and Your Students - http://www.kalama.com/~zimba/plag&cheat.htmPlagiarism .org : Learning Center : - http://www.plagiarism.org/ Plagiarism is almost always a symptom of other educational problems.Lista de links: http://www.123helpme.com/plagiarism.jsp
Para reflexão e curiosidades:A má rep…