Avançar para o conteúdo principal

46 anos de Doctor Who


Sabia que no dia 23 de Novembro de 1963, às 17:15 (GMT) foi emitido o primeiro episódio de Doctor Who?
A série da BBC é famosa no meio da ficção científica, um ícone da cultura inglesa (13 milhões de espectadores no episódio de Natal em 2007), passa na SIC Radical, mas você já sabe, certo? Afinal não é por acaso que detém um registo no livro do Guinness como a série de televisão de ficção científica em exibição durante mais tempo, de (1963 a 1989).
A série foi retomada em 2005 e continuará a ser produzida, sendo que em 2010 já não será David Tennant o The Doctor pois vai sofrer mais uma regeneração.


Excerto da série Dr. Who no meio de mais uma viagem no tempo, aqui numa biblioteca.
O argumento do episódio explora mais um paradoxo das viagens no tempo e é uma delícia para os neurónios: e se no meio de uma viagem encontramos um outro viajante no tempo que conhecemos num tempo passado mas que acabou por nos encontrar no futuro quando ainda não tínhamos ido ao passado conhecê-lo?

Para além dos livros e filmes baseados na série, surgiram ainda outras séries a partir do Doctor Who, destacando-se:
E que tal um salto na cabine da polícia até ao site oficial: www.bbc.co.uk/doctorwho/?

Comentários

José Coelho disse…
Peço desculpa, este meu comentário não tem nada a ver, mas não resisti enviar esta notícia depois de a ler: Livro é devolvido a biblioteca norte-americana, 51 anos depois:
http://www.ananova.com/news/story/sm_3565768.html?menu=news.quirkies
Trabalhei 6 anos numa biblioteca e sei que é muito difícil conseguir que as pessoas devolvam os livros, mas isto nunca vi. Bem, sempre é melhor 51 anos depois do que nunca.

Cumprimentos,

José Coelho

Mensagens populares deste blogue

Tabela CDU disponível online

A tabela CDU está disponível online e em português.
Corresponde à versão "Sumário" com 2000 entradas (das 68000 da tabela completa)

A Biblioteca Nacional de Portugal está de parabéns pelo trabalho realizado e disponível pela licença Creative Comons. Aqui ficam os créditos do trabalho:



Na entrada do site temos um painel do lado esquerdo com as classes e tabelas auxiliares:

Ao carregar numa dessas tabelas surgem as suas notações principais. Se clicarmos numa notação surge do lado direito a explicitação dessa notação e notações relacionadas, sendo possível de navegar entre as relacionadas.


Ainda existem funcionalidades por implementar, não existe pesquisa (e nem parece que vá existir), o número de notações é pequeno em relação ao publicado em livro mas a navegação é fácil e agradável.
Ainda não estão traduzidas as explicações e exemplos... mas quem quiser pode colaborar!.
Claro que quem já trabalhou com a tabela inglesa, em que as notações se podiam pesquisar por palavra ou me…

Se conduzir... não leia!

Se conduzir não leia... mesmo que seja James Patterson!

O condutor de 53 anos dá uma desculpa, de arrepiar, sobre a sua condução errática: estava a ler o último thriller de James Patterson.
Foi multado por não conduzir com o devido cuidado (EUA, Minnesota).

Se conduzir não leia!


YouTube - https://youtu.be/THSDhl07Vt0

Saiba mais sobre James Patterson.

Original em TODAY.com (22/01/2016) - Distracted driver's excuse to cop: I was reading James Patterson

Elsa Conde e Teresa Calçada no PNL2017

A implementação e monitorização do Plano Nacional de Leitura até 2027 ficará sob responsabilidade de uma comissão que inclui os Ministérios da Educação, Cultura e Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.
A comissão interministerial a ser presidida por Teresa Calçada e Elsa Maria Conde estará dependente do Ministério da Educação, em articulação com as tutelas da Cultura e da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.

Objetivo: "Fazer uma aposta abrangente na leitura, seja a literária, científica, em papel ou noutros suportes" (Teresa Calçada).

O PNL quer agora “levar a leitura a outras esferas da sociedade”, mostrando que esta “não é apenas património de alguns” e promovendo hábitos de leitura ao longo da vida: junto de famílias, crianças, jovens e adultos. E, sem descurar o papel das bibliotecas escolares, pretende-se criar condições para a promover nas instituições de ensino superior e da rede de centros de Ciência Viva.

“Em todos os locais onde seja possível dizer 'ler é bom…