Leitura: desempenho médio das raparigas superior ao dos rapazes

Em 2012, em todos os países considerados, as raparigas apresentam um desempenho médio a Leitura muito superior ao dos rapazes.
Existe uma tendência para as raparigas serem bastante melhores a Leitura e os rapazes ligeiramente melhores a Matemática.
De destacar que é apenas na Irlanda que o score médio dos rapazes supera os 500 pontos na escala PISA. As raparigas ultrapassam esta fasquia em todos os países no que respeita à Leitura. Em Portugal, a diferença é muito clara, sendo que a média dos rapazes a Leitura é muito baixa (468 pontos), registando-se apenas piores desempenhos a Leitura nos rapazes suecos..


Ver estudo:
Q11 – Afinal, porque melhoraram os resultados?
 http://www.aqeduto.pt/foruns-aqeduto/q11-estudo


fórum aQeduto

O projeto de investigação, aQeduto: Avaliação, qualidade e equidade em educação, tem como propósito construir um corpo de referenciais sobre avaliação, qualidade e equidade em educação, baseado em investigação comparada a partir das bases de dados dos alunos portugueses que participaram nos sucessivos ciclos de testes PISA (2000, 2003, 2006, 2009, 2012) e visa explicar a variação dos resultados dos alunos portugueses nos testes PISA, nomeadamente os fatores responsáveis pela evolução positiva verificada em Portugal ao longo dos doze anos. http://www.aqeduto.pt