Filosofia e biblioteconomia

Para um momento de bom humor recomendo uma visita ao blogue "Aventuras de Quide no ensino superior". http://hbdia.blogspot.com/2005/06/largue-esse-controle-remoto-e-pare-de.html . Neste artigo são muito "elogiados" dois cursos: Filosofia e Biblioteconomia.
Xiii ... e eu que sou de filosofia e passo o tempo nas biblioteconomias!
Mas o artigo está muito interessante e dá para boas risadas.

[ Ler Mais ]

Top blogues na area de bibliotecas

Os bibliotecários passam o tempo a ajudar os utilizadores de bibliotecas a encontrarem informações úteis, mas ao mesmo tempo têm a fama de serem uma comunidade fechada e de trocarem poucas informações sobre a sua área. A internet e especialemnte os blogues têm-se encarregado de alterar essa imagem negativa e a produção de blogues sobrew ciências da informação, bibliotecas, catalogação, recursos técnicos é cada vez maior. Em Portugal ainda é diminuta (contam-se pelos dedos), mas a comunidade brasileira já vai fazendo ouvir a língua portuguesa. Naturalmente continua a ser os norte americanos a trabalham "mais a sério" pelo que não é de admirar que os blogues mais referenciados na área sejam geridos por bibliotecários dos EUA.
Em http://www.pubsub.com/lists/librarian.php encontram um top diário baseado na popularidade de links, que é ao mesmo tempo uma boa página de favoritos/referência.

[ Ler Mais ]

Nova tabela CDU

Já saiu a nova tabela CDU - edição da BN.
É um volume pesado, com 900 páginas mas com muitos ganhos em relação à tabela anterior.
Agora é passar o tempo com as actualizações, especialmente: Mudanças radicais na Religião, revisões em Cinema e uns retoques em literatura: 811.111SHAK7ROM ! Estou nessa, mais útil e fácil que géneros e séculos tudo misturado!
Fica a faltar um serviço da BN tal como o da Biblioteca nacional inglesa: a tabela CDU on-line, pesquisável e com mais explicações.

[ Ler Mais ]

Pela flandres

biblioteca municipal de BruggesExtra trabalho a visita à Bélgica permitiu treinar a máquina fotográfica, uma Sony T7 que foi duramente posta à prova e aprovada. Foi um autêntico safari cultural, por entre catedrais, museus e sim .. bibliotecas (à esquerda a biblioteca pública de Brugges)!

Imagem de GhentA destacar Brugges, um autêntico deleite para os olhos e para as máquinas fotográficas: duas máquinas tiraram ... 1900 fotos em 8 dias ... foi obra mas era difícil fazer fotos feias!
Em termos culturais o que mais impressionou foi a qualidade de apresentação do produto cultural: quadros da escola flamenga que conhecemos dos manuais escolares acessíveis gratuitamente em igrejas, música de órgão nas catedrais (e se eram muitas), um grande cuidado no restauro (um plano de restauro de uma catedral em Ghent levará 20 anos a realizar). Nesse momento só pensei como estava em melhor estado que as catedrais portuguesas.
Mas para ficarem com água na boca podem verem mais imagens em:

[ Ler Mais ]

Biblioteca pessoal virtual

Um serviço on-line de catalogação e organização de uma biblioteca virtual está disponível em www.librarything.com . É um serviço gratuito até 200 documentos, mostrando a capa e os dados do livro. Como pode ser de acesso público vale a pena testar e utilizar, já que pode constituir uma montra do tipo "livros da minha vida" ou "as minhas leituras".
Para pesquisas (por título, autor ou ISBN) são utilizados diversos catálogos de bibliotecas (como a do Congresso americano) mas igualmente os serviços da Amazon e permitem o registo de documentos livro e audiovisuais. E a sua biblioteca pode ser servida via RSS!
O processo de signup ao tentar ser simples não é dos mais límpidos ... assim se der erro tente outro username, ficando desde logo activado o username escolhido. A seguir então edite as suas informações e adicione o seu email. Depois é só pesquisar, adicionar e partilhar a sua biblioteca.
Para os curiosos o meu username é pizidoro e a minha biblioteca (acabada de inaugurar) em
http://www.librarything.com/catalog.php?view=pizidoro

[ Ler Mais ]

Comenius Bibliotecas - Belgica

No decurso de um projecto Comenius de desenvolvimento escolar o dia 2o de Outubro foi dia de reunião das bibliotecas das escolas secundárias de Ghent (Bélgica), Lepe (Espanha) e Albufeira.
Em Ghent, uma cidade linda (e isto mesmo depois de visitar Brugges que é uma bela cidade!) pudemos conhecer a realidade de outro país. E meus senhores... o país é lindo, organizado, ecológico, alta qualidade turística em todos os aspectos (falando de Bruxelas, Autuérpia, Brugges e Ghent).
Já quanto a educação são mais espartanos e assim se compreende porque razão Portugal é dos países que mais gastam com educação: onde se gasta em educação não é ali. Condições de trabalho? Nada a invejar. Mas o trabalho não é menor.
E como explicar o facto de as nossas bibliotecas terem alunos todo o dia? Sim o facto de os alunos estarem todos em aulas das 8 às 16 ... parece uma utopia mas é real. Assim as bibliotecas (em duas escolas de cidades diferentes) só abrem das 16 às 18. Antes são "simples" salas de aulas.
Aqui ficam algumas imagens

Biblioteca escolar em Ghent
Reunião de trabalho
Biblioteca escolar em Ostend: do outro lado da mesa era outra fiada de ecrans planos ... mas só é biblioteca das 16.00 às 18.00 quando terminam as aulas e os alunos têm tempo para ir à biblioteca. Até lá é uma sala de informática. Pergunta do director: "E como é que em Portugal têm alunos durante o dia sem aulas?" Sem comentários.

[ Ler Mais ]