Avançar para o conteúdo principal

O Hobbit, em filmagem!

Antes dos livros "O Senhor dos Anéis" (1954) J. R. R. Tolkien escreveu "The Hobbit, or There and Back Again" (1937) com a história de Bilbo Baggins e que agora está a ser filmado por Peter Jackson com o título "The Hobbit: An Unexpected Journey".
O filme sairá daqui a um ano mas foi agora publicado o trailer:


Com realização de Peter Jackson, o novo filme "The Hobbit: An Unexpected Journey"  conta com as atuações de Cate Blanchett, Hugo Weaving, Elijah Wood, Orlando Bloom, Andy Serkis, Luke Evans, Benedict Cumberbatch, Evangeline Lilly, Stephen Fry e Martin Freeman (como Bilbo Baggins)

Note-se que "The Hobbit" não é uma prequela, sendo que o The Lord of the Rings é que é a sequela!! Para ser prequela teria de ser escrito posteriormente embora retratando acontecimentos anteriores à história original. O Hobbit, embora retrate tempos anteriores ao "Senhor dos Anéis" foi escrito e publicado muito antes (em 1937).

O "The Lord of the Rings" (Senhor dos Anéis), escrito entre 1937 e 1949, foi precisamente uma encomenda do editor como sequela devido ao grande sucesso de O Hobbit. Tolkien escreveu The Silmarillion mas foi rejeitado pelo editor por não ser uma verdadeira sequela.
Começou então a escrever o 'The New Hobbit' que se transformou posteriormente no "The Lord of the Rings", uma história mais elaborada e mais dirigido ao público jovem adulto. Este "Senhor dos Anéis" acabou por ser publicado entre 1954 e 1955 em conjuntos que depois se convencionou chamar de trilogia!
E num fenómeno raro, a sequela acabou por se tornar maior que a histótia original. O senhor dos Anéis é tido como o terceiro romance mais vendido de sempre (a seguir a "Uma história de duas cidades" de Charles Dickens e "O principezinho" de Antoine de Saint-Exupéry). É ainda a obra referência no mundo da ficção de fantasia, tendo-se tornado uma de culto nos leitores mas também no mundo dos ilustradores e da música.
Com inúmeras adaptações à TV e cinema, foi Peter Jackson quem levou o próprio cinema a uma nova dimensão num autêntico sucesso de bilheteiras mas também de tecnologia de gravação. Para além de colocar a Nova Zelândia no mapa da produção cinematográfica.
Para os fans... é um só mundo!

 Agora é esperar pelo Natal de 2012!

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Tabela CDU disponível online

A tabela CDU está disponível online e em português.
Corresponde à versão "Sumário" com 2000 entradas (das 68000 da tabela completa)

A Biblioteca Nacional de Portugal está de parabéns pelo trabalho realizado e disponível pela licença Creative Comons. Aqui ficam os créditos do trabalho:



Na entrada do site temos um painel do lado esquerdo com as classes e tabelas auxiliares:

Ao carregar numa dessas tabelas surgem as suas notações principais. Se clicarmos numa notação surge do lado direito a explicitação dessa notação e notações relacionadas, sendo possível de navegar entre as relacionadas.


Ainda existem funcionalidades por implementar, não existe pesquisa (e nem parece que vá existir), o número de notações é pequeno em relação ao publicado em livro mas a navegação é fácil e agradável.
Ainda não estão traduzidas as explicações e exemplos... mas quem quiser pode colaborar!.
Claro que quem já trabalhou com a tabela inglesa, em que as notações se podiam pesquisar por palavra ou me…

Porque amo a minha biblioteca escolar?

"Why I Love My School Library" é o tema do MIBE - Mês Internacional das Bibliotecas Escolares que se comemora em Outubro de 2018.
Um tema que, segundo a IASL, se enquadra no objetivo deste ano de análise aos impactos da biblioteca escolar.
Porque amo a minha biblioteca escolar? Outubro será um bom momento para pensar nas nossas bibliotecas e nos nossos utilizadores. Porque é que gostamos das bibliotecas escolares? E o que não gostamos nelas?  Duas perguntas importantes e a fazer desde já. Todas as respostas serão motivos para estratégias de melhoria a realizar ao longo do ano letivo que agora se inicia.


Infos: IASL - https://iasl-online.wildapricot.org/advocacy/islm/index.html

Leituras essenciais Português 11º ano

Estas são as obras literárias para as leituras essenciais propostas para a disciplina "Português" (11.º ano)


A partir do próximo ano lectivo, as aprendizagens essenciais vão substituir as metas curriculares.

Estes documentos estão em consulta pública até 27 de Julho na página da Direcção-Geral da Educação http://www.dge.mec.pt/noticias/consulta-publica-aprendizagens-essenciais


Apesar de insistir que os programas das disciplinas continuam em vigor, o Ministério da Educação indicou ao PÚBLICO que os exames vão passar a avaliar “o que está disposto nas aprendizagens essenciais”. O que acontecerá já em 2019/2020 para os alunos do 11.º ano. Fonte: https://www.publico.pt/2018/07/18/sociedade/noticia/os-maias-deixam-de-ser-leitura-obrigatoria-no-secundario-1838325