Avançar para o conteúdo principal

Slate: a ardósia moderna

Os computadores portáteis aparecem revigorados sob o conceito Slate (Lousa/ardósia)


São essencialmente equipamentos para aceder a conteúdos digitais, onde a produção passa para segundo lugar. A simplicidade de uso, o baixo peso e uma duração de bateria adequada a um dia de trabalho são os pontos de ordem dos criadores. O mercado dos e-book e as redes sociais são igualmente dois alvos apetecidos.
É que a maior parte das pessoas não precisa de um portátil a pesar dois ou três quilos e cheios de acessórios. Para ir ver o email, ler um jornal na web, ver uns vídeos no youtube, jogar Farmville... basta um Slate e as empresas já perceberam isso. A oferta das várias empresas visa a simplicidade, portabilidade, acesso a conteúdos online... e livros!
Os preços destes equipamentos ainda não são claramente conhecidos pois a sua comercialização acontecerá depois do primeiro trimestre de 2010 e vai depender dos serviços associados e dos fornecedores de acesso à Internet. Mas o horizonte está nos 600 a 800 dólares, podendo vir a ser 300 a 400 euros mais baixos se forem contratados via empresas de acesso internet.

O site Gizmodo fez elaborou uma tabela de comparação entre algumas destas máquinas:
Fonte da imagem: http://gizmodo.com/5459308/slate-showdown-ipad-vs-hp-slate-vs-joojoo-vs-android-tablets--more-updated

O ano de 2010 será o ano em que todas as marcas vão ter um equipamento de acesso ao mundo digital, pelo que novidades serão muitas. Para trabalho a sério existe um computador!

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Tabela CDU disponível online

A tabela CDU está disponível online e em português.
Corresponde à versão "Sumário" com 2000 entradas (das 68000 da tabela completa)

A Biblioteca Nacional de Portugal está de parabéns pelo trabalho realizado e disponível pela licença Creative Comons. Aqui ficam os créditos do trabalho:



Na entrada do site temos um painel do lado esquerdo com as classes e tabelas auxiliares:

Ao carregar numa dessas tabelas surgem as suas notações principais. Se clicarmos numa notação surge do lado direito a explicitação dessa notação e notações relacionadas, sendo possível de navegar entre as relacionadas.


Ainda existem funcionalidades por implementar, não existe pesquisa (e nem parece que vá existir), o número de notações é pequeno em relação ao publicado em livro mas a navegação é fácil e agradável.
Ainda não estão traduzidas as explicações e exemplos... mas quem quiser pode colaborar!.
Claro que quem já trabalhou com a tabela inglesa, em que as notações se podiam pesquisar por palavra ou me…

Se conduzir... não leia!

Se conduzir não leia... mesmo que seja James Patterson!

O condutor de 53 anos dá uma desculpa, de arrepiar, sobre a sua condução errática: estava a ler o último thriller de James Patterson.
Foi multado por não conduzir com o devido cuidado (EUA, Minnesota).

Se conduzir não leia!


YouTube - https://youtu.be/THSDhl07Vt0

Saiba mais sobre James Patterson.

Original em TODAY.com (22/01/2016) - Distracted driver's excuse to cop: I was reading James Patterson

Elsa Conde e Teresa Calçada no PNL2017

A implementação e monitorização do Plano Nacional de Leitura até 2027 ficará sob responsabilidade de uma comissão que inclui os Ministérios da Educação, Cultura e Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.
A comissão interministerial a ser presidida por Teresa Calçada e Elsa Maria Conde estará dependente do Ministério da Educação, em articulação com as tutelas da Cultura e da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.

Objetivo: "Fazer uma aposta abrangente na leitura, seja a literária, científica, em papel ou noutros suportes" (Teresa Calçada).

O PNL quer agora “levar a leitura a outras esferas da sociedade”, mostrando que esta “não é apenas património de alguns” e promovendo hábitos de leitura ao longo da vida: junto de famílias, crianças, jovens e adultos. E, sem descurar o papel das bibliotecas escolares, pretende-se criar condições para a promover nas instituições de ensino superior e da rede de centros de Ciência Viva.

“Em todos os locais onde seja possível dizer 'ler é bom…