Slate: a ardósia moderna

Os computadores portáteis aparecem revigorados sob o conceito Slate (Lousa/ardósia)


São essencialmente equipamentos para aceder a conteúdos digitais, onde a produção passa para segundo lugar. A simplicidade de uso, o baixo peso e uma duração de bateria adequada a um dia de trabalho são os pontos de ordem dos criadores. O mercado dos e-book e as redes sociais são igualmente dois alvos apetecidos.
É que a maior parte das pessoas não precisa de um portátil a pesar dois ou três quilos e cheios de acessórios. Para ir ver o email, ler um jornal na web, ver uns vídeos no youtube, jogar Farmville... basta um Slate e as empresas já perceberam isso. A oferta das várias empresas visa a simplicidade, portabilidade, acesso a conteúdos online... e livros!
Os preços destes equipamentos ainda não são claramente conhecidos pois a sua comercialização acontecerá depois do primeiro trimestre de 2010 e vai depender dos serviços associados e dos fornecedores de acesso à Internet. Mas o horizonte está nos 600 a 800 dólares, podendo vir a ser 300 a 400 euros mais baixos se forem contratados via empresas de acesso internet.

O site Gizmodo fez elaborou uma tabela de comparação entre algumas destas máquinas:
Fonte da imagem: http://gizmodo.com/5459308/slate-showdown-ipad-vs-hp-slate-vs-joojoo-vs-android-tablets--more-updated

O ano de 2010 será o ano em que todas as marcas vão ter um equipamento de acesso ao mundo digital, pelo que novidades serão muitas. Para trabalho a sério existe um computador!