Avançar para o conteúdo principal

Triliões: o futuro da idade da informação

A história da computação enfrenta um desafio ou melhor um Trilião deles. E daí dependerá o futuro da idade da informação:




Mas quanto é realmente um trilião?
É tudo uma questão de escalas e do país onde estiver? Confuso?
A designação dos grandes números segue duas regras internacionais distintas, conhecidas por “escala curta” e “escala longa”.
A escala curta, usada nos países anglo-saxónicos, muda o nome 3 em 3 “casas” : milhão, bilião, trilião, etc.
A escala longa só muda o nome de 6 em 6 casas, pelo que obriga a recorrer ao milhar de milhão, etc.

Em Portugal e na Europa continental, é adoptado o seguinte critério (escala longa):
mil = 1 000 = 10^3
milhão = 1 000 000 = 10^6
mil milhões = 1 000 000 000 = 10^9
bilião = 1 000 000 000 000 = 10^12
mil biliões = 1 000 000 000 000 000 = 10^15
trilião = 1 000 000 000 000 000 000 = 10^18
mil triliões = 1 000 000 000 000 000 000 000 = 10^21

Mais simples?
Portugal usa, actualmente, a chamada «regra do n-lião», em que "n" é o expoente da potência a que se eleva "1 milhão". A regra N é dada pela expressão designatória: 10 elevado a 6N = (N) ilião. Geralmente temos, no lugar do N, bi, tri, etc
Assim:
1 milhão=(10^6)
1 bilião=(10^6)^2
1 trilião=(10^6)^3
1 quadrilião=(10^6)^4

Mas nos países anglófonos (e Brasil) é utilizada a escala curta pelo que
"billion" tem o valor de 1 000 000 000 ou seja 10^9 e não os 10^12 da escala longa, e "trilion" tem o valor de 1 000 000 000 000 ou seja 10^12 e não os nossos 10^18.

Assim do ponto de vista europeu o problema informático é muio mais pequeno pois o trilião de informações será apenas um simples bilião. Agora como é que enganamos os computadores?!

Literatura:

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Tabela CDU disponível online

A tabela CDU está disponível online e em português.
Corresponde à versão "Sumário" com 2000 entradas (das 68000 da tabela completa)

A Biblioteca Nacional de Portugal está de parabéns pelo trabalho realizado e disponível pela licença Creative Comons. Aqui ficam os créditos do trabalho:



Na entrada do site temos um painel do lado esquerdo com as classes e tabelas auxiliares:

Ao carregar numa dessas tabelas surgem as suas notações principais. Se clicarmos numa notação surge do lado direito a explicitação dessa notação e notações relacionadas, sendo possível de navegar entre as relacionadas.


Ainda existem funcionalidades por implementar, não existe pesquisa (e nem parece que vá existir), o número de notações é pequeno em relação ao publicado em livro mas a navegação é fácil e agradável.
Ainda não estão traduzidas as explicações e exemplos... mas quem quiser pode colaborar!.
Claro que quem já trabalhou com a tabela inglesa, em que as notações se podiam pesquisar por palavra ou me…

5 revistas de Astérix para descarregar... grátis!

Na aldeia de Astérix como em todo o lado, a palavra de ordem é clara: fique em casa para vencer o vírus e proteger os mais vulneráveis! Mas isso não vai impedir que os nossos gauleses preferidos, decididamente irredutíveis à morosidade, se divirtam e divirtam os seus leitores! Foi por isso que os nossos druidas engendraram uma revista semanal inédita para alegrar os seus dias: Irredutíveis com Astérix! Em perspetiva: atividades, jogos e BD’s de Astérix para toda a família!

Não podendo encontrar-se com os seus amigos de todo o Mundo Conhecido, eles próprios confinados nas suas respetivas aldeias, Astérix troca com eles, através de pombos-correio, mensagens de amizade. Ao longo das páginas desta revista vai descobrir a mensagem de Falbala para Obélix, mas também ter notícias de Pepe, o pequeno ibero, Númerobis, o egípcio, ou ainda de Jolitorax, o bretão, ou Suicinhix, o helvécio, o que lhe mostrará que o confinamento, seja na Torre de Londres seja num cofre de banco, pode até ser uma bela…

Quem deve usar máscara para parar a propagação do Coronavírus? [ebook gratuito]

É crucial que as pessoas certas usem máscaras, se quisermos ajudar a impedir a propagação do COVID-19 nas nossas comunidades.
A boa notícia é que, se todos fizerem isso, também podemos impedir a propagação de outras doenças infecciosas!
É a mensagem desta Infocomic com 10 ilustrações criadas pela ilustradora Weiman Kow agora disponível em português, em formato ebook, cartazes para impressão e imagens separadas.




Tradução e adaptação para português (Portugal): Paulo Izidoro (07 mar 2020).

Download dos materiais em português (Portugal):Ebook para leitura / importação em Calibre (formatos PDF + CBZ) - Descarregar aquiImagens individuais (para reutilização) e cartazes com sequência das ilustrações (2 páginas para impressão)  Descarregar aqui
Documento original e traduções para outros idiomas em https://www.comicsforgood.com/weimankow/mask